compre, baixe e leia

1° capítulo GRÁTIS - Toda Sua

1° capítulo GRÁTIS - Toda Sua

Editora Paralela

avaliações

Edição digital


Onde você pode ler:
Compatível
Incompatível
  • Windows PC
  • iPad®
  • Tablets Android
  • iPhone®
  • Smartphone Android
  • Mac OS
Tablets Android testados
Samsung, Motorola e Sony
ver todos os dispositivos e requisitos
Formatos Formatos

PDF

ePub: Trata-se de um padrão internacional para livros digitais. Permite que a leitura seja uma experiência agradável em qualquer tamanho de tela, pois permite aumentar ou reduzir o tamanho da fonte utilizada, bem como o tamanho da página, entre outras funcionalidades, adequando o livro às necessidades do usuário.

OFIP: Inovadores, estes formatos de publicação permitem não somente uma leitura mais agradável, como também trazem ferramentas interativas como vídeos, álbuns de fotos, hypertextos, hyperlinks e visualização conforme a preferência do leitor (retrato ou paisagem, disponíveis somente em iPad).

PDF: O PDF (Portable Document Format) é um formato portátil para documentos, muito usado na internet devido à sua versatilidade, facilidade de uso e tamanho. Um documento PDF tem a mesma aparência, gráficos e formato que um documento impresso.

ver ficha técnica

Edição digital

Editora
Editora Paralela 
ISBN-13
9788565530118 
Edição
1ª Edição 
Idioma
Português 
Formato
PDF 
Impressão
Não Permitida 
Cópia
Não Permitida 

Descrição

No livro mais bem escrito da nova onda de romances eróticos femininos, Sylvia Day conta a história de Gideon e Eva, duas pessoas com um passado complicado que se encontram numa explosão de luxúria e paixão. Romântico, sombrio e muito sensual, Toda sua — leitura perfeita para os fãs do best-seller Cinquenta tons de cinza, de E. L. James — vai levar você aos limites da obsessão. E além.

Leia mais Voltar

Resenhas

Livros para ler na cama
por VIVA MAIS

Esta leitura vai agradar as fãs da trilogia Cinquenta Tons. A história é parecida: uma jovem que se submete sexualmente a um milionário gostosão! O diferencial é a linguagem. Enquanto têm suas transas animais, eles usam palavras excitantes. Um estímulo e tanto se você gosta de falar na hora H...

Deliciosa dominação
por NOVA

Bem-sucedido, rico e atraente, o empresário Gideon Cross pode conquistar a mulher que quiser. E ele escolhe se envolver com a jovem e sexy Eva. O relacionamento começa como uma simples brincadeira sexual. Mas, quando eles se apaixonam, as transas ficam cada vez mais surpreendentes e intensas no livro Toda Sua (Paralela).

Gideon ficou parado na porta por um bom tempo, percorrendo com seu olhar desde a ponta dos meus cabelos até os meus dedos do pé pintados em estilo francesinha. Eu também...Leia mais

Bem-sucedido, rico e atraente, o empresário Gideon Cross pode conquistar a mulher que quiser. E ele escolhe se envolver com a jovem e sexy Eva. O relacionamento começa como uma simples brincadeira sexual. Mas, quando eles se apaixonam, as transas ficam cada vez mais surpreendentes e intensas no livro Toda Sua (Paralela).

Gideon ficou parado na porta por um bom tempo, percorrendo com seu olhar desde a ponta dos meus cabelos até os meus dedos do pé pintados em estilo francesinha. Eu também estava impressionada com a aparência dele. A maneira como ele estava vestido, com um jeans surrado e camiseta, fez com que eu quisesse despi-lo com os dentes. "Eu precisava falar com você ainda hoje, e também queria saber se está tudo bem depois de ontem à noite."Seus olhos assumiram uma expressão séria ao passear por mim. Seu rosto de tirar o fôlego parecia emoldurado por seus cabelos negros impecáveis. "Você está linda, Eva. Acho que nunca desejei tanto alguém como agora."

Gideon chegou mais perto e acariciou com o dedo um dos cachos do meu cabelo.

Baixando a cabeça, Gideon pressionou seus lábios contra a curvatura do meu pescoço.

Sua língua percorreu a veia pulsante da minha garganta e eu me derreti sob ela. Meu corpo amoleceu quando ele me puxou para mais perto.

Abri minha boca para protestar, mas Gideon logo a calou com um beijo molhado e luxurioso. Sua língua se movia devagar, fazendo com que eu desejasse que ele fizesse o mesmo entre as minhas pernas. Minhas mãos foram diretamente para seus cabelos, passeando por eles, agarrando com força. Meu robe se abriu ao toque de seus dedos habilidosos; ele agarrava meus seios, explorando-os com apertões suaves e ritmados.

Ele abocanhou um dos meus seios, produzindo uma onda de calor que fez minha pele transpirar.

Uma de suas mãos abriu caminho até o meio das minhas pernas. Elas se abriram sem o menor pudor. Meu corpo estava todo excitado, eu estava toda vermelha, quase febril. Sua outra mão continuou massageando os meus seios, deixando-os insuportavelmente sensíveis.

"Você está toda molhadinha pra mim", ele sussurrou, seguindo com os olhos até onde estavam seus dedos. "Você é linda aqui também. Macia e rosadinha. Quente. Não foi hoje que você se depilou, foi?"

Fiz que não com a cabeça.

"Ainda bem. Acho que não aguentaria nem mais dez minutos sem tocar em você, imagine dez horas." Ele enfiou um dedo cuidadosamente em mim. Meus olhos se fecharam diante da vulnerabilidade de estar de pernas abertas sendo masturbada por um homem cujo conhecimento do tempo de recuperação depois de uma sessão de depilação com cera denunciava uma tremenda intimidade com o sexo feminino. "Você é tão gostosinha." O dedo de Gideon entrava e saía suavemente de mim. Minhas costas se curvaram, e minhas pernas o abraçaram com vontade.

Estava absolutamente dominada pela necessidade de ter um orgasmo.

A respiração dele também estava acelerada. Seu rosto estava todo vermelho de desejo. Por mim. Sendo que tudo o que eu tinha feito fora me entregar a ele, incapaz de resistir. A mão que estava nos meus seios passou pelo meu rosto.

"Vou dizer tudo o que quero que você faça para me dar prazer, Eva, e você vai fazer tudinho... se me obedecer, vamos fazer sexo explosivo, selvagem, sem restrições. Você sabe disso, não é? Já está sentindo como as coisas vão ser entre nós."

"Sim", eu sussurrei, agarrando meus seios para aplacar a fúria dos mamilos endurecidos.

Ele começou a esfregar meu clitóris com o dedão, em movimentos circulares.

Eu estava prestes a explodir, e a tensão só aumentava enquanto ele massageava meu clitóris e enfiava os dedos em mim em um ritmo constante, sem a menor pressa. "Goza pra mim, Eva", ele ordenou.

Cheguei ao orgasmo com um grito abafado, agarrando as bordas do sofá até meus dedos ficarem sem cor, remexendo os quadris nas mãos dele, esquecendo completamente qualquer vergonha ou timidez. Meus olhos estavam grudados nos dele, incapazes de se desviar, hipnotizados pelo triunfo masculino que brilhava em seus olhos. Naquele momento, ele tinha total poder sobre mim. Eu faria tudo o que ele quisesse.

Eu estava inchada demais, sensível demais. Mas, quando sua língua tocou meu clitóris e começou a passear por ele, a vontade voltou com toda a força. Com mais intensidade do que antes. Ele percorreu tudo, me provocando, me tentando com a promessa de outro orgasmo que eu sabia que não conseguiria ter tão cedo.

Foi quando sua língua entrou em mim, e eu tive que morder os lábios para não gritar. Gozei pela segunda vez, e meu corpo se sacudiu violentamente, com os músculos mais tenros se enrijecendo desesperadamente ao toque da língua. Não tive forças para afastá-lo quando ele voltou ao meu clitóris e o chupou até eu gemer de novo, sussurrando seu nome.

Eu estava me sentindo toda mole quando Gideon endireitou minha perna, e ainda não tinha recuperado o fôlego quando ele começou a beijar minha barriga e meus seios. Ele lambeu meus mamilos e me enlaçou com seus braços. Permaneci imóvel e submissa ao seu toque enquanto ele beijava minha boca com uma violência controlada, ferindo meus lábios e denunciando seu estado de excitação extrema.

Então ele fechou meu robe e ficou de pé, olhando para mim de cima a baixo.

"Às sete horas, Eva." Ele se abaixou e tocou meu tornozelo, acariciando com os dedos a tornozeleira que eu havia posto pensando no evento. "E não tire isto aqui. Quero comer você com nada além disto."

Sylvia Day é uma escritora americana especializada em romances eróticos e sobrenaturais. Toda Sua foi um dos livros mais vendidos nos Estados Unidos e faz parte da trilogia Crossfire - que é cheia de trechos quentíssimos.

Outros tons de cinza
por CONTIGO

Para as leitoras que se sentiram órfãs da série Cinquenta Tons, de E. L. James, emToda Sua, de Sylvia Day, o casal principal, Eva e Gideon, se vê às voltas com seus traumas e uma ligação carnal muito forte, que inclui sexo dominador. Seguindo a linha, também faz parte de uma trilogia, Crossfire.